SLMANDIC de Araras está com inscrições abertas para atendimento odontológico em 2021
15 de dezembro de 2020
SLMANDIC abre novo edital de Transferência para Curso de Medicina, em Araras
11 de janeiro de 2021

Clínica Sayão passa a se chamar Hospital São Leopoldo Mandic e tem projeto de ampliação dos serviços na área de saúde

A instituição será dirigida e coordenada pela estrutura acadêmica, administrativa e gerencial da Faculdade São Leopoldo Mandic

A antiga Clínica Sayão, de Araras (SP), agora será chamada de Hospital São Leopoldo Mandic e será dirigida e coordenada pela estrutura acadêmica, administrativa e gerencial da Faculdade São Leopoldo Mandic.

Com a mudança, todos os pacientes internados continuarão a receber o mesmo tratamento, sem alterações previstas, inclusive os casos mais delicados como os de pacientes neuropsiquiátricos. Além disso, o hospital continuará a atender o Sistema Único de Saúde (SUS) e, também, todos os convênios da medicina suplementar, além de ter possibilidade de atendimentos particulares em condições especiais para a população da região, mas com a ampliação de seus serviços na área de saúde.

“A partir de 2021, conduziremos um trabalho para que a clínica se transforme em hospital geral. Começaremos com a implantação da área de oftalmologia, em seguida com algumas intervenções dermatológicas e, em breve, a introdução de um centro cirúrgico, junto com os hospitais e Santas Casas da região de Araras”, afirma o presidente da instituição, Dr. José Luiz Cintra Junqueira.

A Faculdade São Leopoldo Mandic é considerada a terceira melhor faculdade de medicina do Brasil e está em primeiro lugar entre todas as IES da área de saúde. Agora com o Hospital, o objetivo é transformar a instituição em referência na região. A Faculdade SLMANDIC assumiu a administração da Clínica Sayão, em agosto de 2019.

“Nosso projeto começou quando aprovamos na associação, que é filantrópica, não visa lucro. Toda a lucratividade é destinada à manutenção dos pacientes carentes. Esse é o objetivo principal do hospital, além da inserção da faculdade de medicina para dentro deste hospital, como forma de colaboração acadêmica e institucional.  Esperamos contar com a parceria de todos os profissionais da área de saúde, como médicos, enfermeiros, fisioterapeutas, psicólogos, entre outros”, destaca o Dr. Junqueira.

X